O Credito Pessoal Online em Portugal. Informação e notícias sobre o Credito rápido, empréstimo pessoal e créditos pessoais.
.posts recentes

. Créditos caem em Portugal...

. Empréstimo do Estado para...

. Um crédito muito pessoal

. Crédito para Compras

. Crédito para Férias

. Crédito “Eco Soluções”

Terça-feira, 24 de Março de 2009
Créditos caem em Portugal e em toda a Europa

crédito em queda

O crédito ao consumo, mais conhecido como crédito pessoal, o credito automóvel e o crédito á habitação estão nos primeiros lugares do ranking de pedidos de financiamento junto da banca.

 

No entanto, no início de 2008, o crédito pessoal e automóvel caiu em toda a Europa cerca de 4,45% em relação ao ano de 2007. Só em Portugal as instituições de crédito especializado revelaram uma queda de 6% em 2008. Esta queda aconteceu em todos os trimestres de 2008 com especial ênfase no último trimestre do ano e prevê-se que volte a acontecer durante o ano de 2009 devido á presente situação financeira.

 

É que se por um lado existe uma menor procura ao financiamento por parte dos consumidores, por outro lado também os bancos e instituições tem colocado mais reservas em conceder créditos, e é este factor a par com um maior consciencialização do endividamento que tem promovido alguma contenção nos consumidores no que respeita ao pedido de crédito.

 

Afinal a quem se destina o crédito? É que até agora qualquer pessoa podia recorrer ao crédito fácil sem ter que fazer grande prova da sua capacidade económica para a liquidação do mesmo. Mas as regras deste jogo estão a começar a mudar.

 

 

 

publicado por Blogs á solta às 10:50
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 7 de Janeiro de 2009
Empréstimo do Estado para Funcionários Públicos

empréstimo para funcionários públicos

O estado colocou à disposição dos funcionários públicos e reformados do estado um empréstimo que nalguns casos pode estender-se também aos viúvos, filhos ou pais dos funcionários. O valor máximo deste crédito financiado pelo estado é de 2648,2 euros e a restituição do empréstimo é feita no máximo de 12 prestações pelo período de um ano. A garantia do cumprimento do reembolso é assegurada através do desconto da mesma no vencimento, no caso dos trabalhadores activos, ou através de transferência bancária nos restantes casos.

 

No entanto para receberem este empréstimo os interessados terão que candidatar-se junto dos serviços sociais da administração pública, que mediante a análise da situação económica emitem um parecer. A especial vantagem deste financiamento para os funcionários públicos que precisam de dinheiro já, é que não terão que pagar taxas de juro nem despesas para abertura do processo.

 

Para os funcionários do estado que façam parte de grupos familiares com rendimentos por pessoa inferiores ao rendimento social de inserção, esta medida do governo prevê a doação, e não o empréstimo, de uma quantia que pode ir até aos 2037 euros.

publicado por Blogs á solta às 16:01
link do post | comentar | favorito
Politica de Privacidade
.tags

. todas as tags

Já Visitaram
.subscrever feeds